todos os cigarros do mundo são para ti


'A seguir era como se fosse noite.'

Hoje, porque não é um hoje vulgar nem especial, hoje porque tenho borboletas no estômago e hoje que te amo, quero dizer-te que todos os cigarros do mundo são para ti. Hoje também te quero dizer que preciso muito de te agarrar para te poder sentir com muita força durante uma eternidade. E é tão somente o que quero. E daí minto porque quero mais coisas. Quero crescer amparada em ti e saber que há tanta coisa nas nossas vidas que se repete. E saber que quando leio um poema e me lembro de ti nada me impede de o repetir nas coisas que a nossa vida repete. Quero-te em mim porque do bom fizeste melhor e do hoje fazes aquela eternidade e eu tremo. 
As tuas mãos gostam de mim, eu continuo a viver num estado de apatia e frenesim, acordo vezes sem conta quando durmo sozinha, amo o teu sorriso e as calçadas do meu Porto têm o teu cheiro. Tenho-te em casa, no guarda-fatos, tenho-te junto à minha escova de dentes, tenho-te nos papéis e nas fotografias que vivemos. Tenho-te nos livros e nos meus braços. Gosto que gostes do que gosto e mesmo do que não gosto. Penso-te quando leio Al Berto, Nuno Júdice, Pablo Neruda e António Lobo Antunes. Hoje pensei em ti quando li Pedro Paixão porque ele dizia 'o que eu gostava era de poder falar na tua boca para que as tuas palavras fossem minhas e pudesse permanecer silencioso ao teu lado'. Também penso em ti quando leio Pedro Paixão. Quis chamar-te 'meu amor' no Outono e no Verão quis parar de tremer. E também descobri que já fizeste do Inverno a 'mais ardente das estações'.
Quero dizer-te que todos os cigarros do mundo são para ti. Quero escrever-te as mais lindas histórias e só me sai lamechice [daquela boa de escrever].



'Por ser tanto quanto somos, certo quando vemos, calmo quando queremos, hoje só por ser Outono vou'

2 comentários:

Fallen, The Countess disse...

Lindo!! Absolutamente... O amor inspira-nos nao é?

mim disse...

:) De vez em quando vou acertando minha querida... vale muito a pena.

Um beijo gigante para ti*